Cabral “dobra a meta de Lula” e vira réu na Lava Jato pela 15ª vez

Justiça homologa leniência da J&F, e acordo passa a valer na esfera penal
11/10/2017
Senado devolve à Justiça Militar poder de julgamento em casos envolvendo operações das Forças Armadas
12/10/2017

Cabral “dobra a meta de Lula” e vira réu na Lava Jato pela 15ª vez

Enquanto Lula amarga a 7ª denúncia na Lava Jato, o ex-governador Sérgio Cabral se tornou réu pela 15ª vez na Operação Lava-Jato. A denúncia foi aceita nesta quarta-feira pelo juiz Marcelo Bretas, da 7ª Vara Federal Criminal do Rio. Também vão responder ao processo o empresário Arthur César de Menezes Soares Filho, conhecido como “Rei Arthur”, o ex-secretário de Saúde Sérgio Côrtes e mais cinco pessoas.

A denúncia do Ministério Público Federal (MPF) aconteceu no âmbito da Operação Unfair Play, que investiga, entre outros fatos, a compra de votos para que o Rio fosse escolhido como sede da Olimpíada de 2016.

Cabral é acusado de corrupção passiva, evasão de divisas e lavagem de dinheiro, por receber US$ 10,4 milhões em propina de “Rei Arthur”, entre março de 2012 e novembro de 2013, e ocultar o valor no exterior, além de ter recebido um total de R$ 1 milhão no Brasil entre 2007 e 2011. De acordo o MPF, o pagamento era feito no país com entregas de recursos em espécie, celebração de contratos fictícios com membros da organização criminosa e pagamento de despesas pessoais.

“Rei Arthur” é dono de várias empresas que prestaram serviços terceirizados para o governo do Rio na gestão Cabral. Essa é a primeira denúncia contra o empresário na Lava-Jato. Além de Cabral e “Rei Arthur” foram denunciados o ex-secretário Sérgio Côrtes, Carlos Miranda, apontado como operador do ex-governador, os doleiros Renato Chebar e Enrico Vieira Machado, Eliane Cavalcante (sócia de Rei Arthur) e Leonardo Aranha (funcionário de Enrico).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Social media & sharing icons powered by UltimatelySocial

Siga-me nas Redes Sociais!