fbpx

Deputadas elogiam Francischini pela sessão especial do Outubro Rosa

Deputadas elogiam Francischini pela sessão especial do Outubro Rosa

A Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) realizou, nesta terça-feira (1), uma homenagem ao Outubro Rosa, com a análise de projetos voltados à saúde da mulher. A proposição foi feita pelo presidente da CCJ, Deputado Delegado Francischini, e especialmente elogiada pelas deputadas presentes. O mês faz parte do calendário internacional de prevenção e controle do câncer de mama.

 

“Realizamos essa sessão temática sobre o Outubro Rosa, analisando projetos que envolvem a saúde da mulher, a temática da família para homenagear e trazer a luz ao tema tão importante que é a conscientização e prevenção”, afirmou Francischini.

 

“Quero parabenizar o deputado por essa iniciativa de trazer projetos voltados à saúde da mulher”, afirmou a deputada Cristina Silvestre. Ela foi a relatora do projeto de lei 246/2019, de autoria do deputado Luiz Carlos Martins. A proposta assegura a realização do exame que detecta trombofilia, a toda mulher em idade fértil no Paraná.

 

A sessão especial também ganhou apoio da deputada Mabel Canto, que viu aprovada a sua emenda ao projeto de lei 161/2019, dispondo sobre violência obstétrica e direito das gestantes e parturientes no estado. Também foi aprovada a iniciativa da parlamentar sobre a concessão do título de Cidadã Benemérita a Vani Quadros Fadel, pelo seu extenso trabalho na Rede Feminina de Combate ao Câncer.

 

“Importante essa sensibilidade de lembrar das mulheres. O Outubro Rosa tem sido um marco no Paraná com várias iniciativas”, destacou a deputada cantora Mara Lima, presidente da Comissão de Defesa dos Diretos da Mulher da Alep e que acompanhou a CCJ. A deputada Luciana Rafagnin também foi autora de dois projetos em pauta.

 

“Com certeza os membros aprovaram e discutiram vários projetos importantes. Nós vamos continuar escolhendo projetos especiais e sessões comemorativas para e debater temas relevantes. Neste mês de outubro foram as mulheres, mães, filhas, avós e mulheres que conduzem as nossos famílias sobre a prevenção ao câncer de mama”, reforçou Francischini.

 

Foto: Wallace Machado/PSL