Em novo despacho, Lewandowski libera entrevista de Lula a Florestan Fernandes


No mesmo dia em que o ministro Dias Toffoli, presidente do Supremo Tribunal Federal, censurou a entrevista do ex-presidente Lula à Folha de S. Paulo, o ministro Ricardo Lewandowski soltou também um despacho, autorizando a entrevista de Lula ao jornalista Florestan Fernandes Júnior, ao jornal El Pais e à Rede Minas de Televisão; segundo Lewandowski, a liminar de Luiz Fux – flagrantemente ilegal – não atinge o pedido formulado por Florestan; o ministro também questiona os poderes de Toffoli para cassar sua decisão no tocante à Folha e aponta “motivações subalternas”.

Informações: Brasil 247.

Foto: Catolé News.