Houve propina em 90% das MPs nos governos Lula e Dilma, diz Palocci


No trecho da delação de Antonio Palocci divulgado nesta segunda-feira, 1º, pelo juiz federal Sergio Moro, o ex-ministro da Fazenda e da Casa Civil cita sete modalidades de cobrança de propina, enumeradas de “A” a “G”. Um dos tópicos trata de “venda de emendas legislativas”, no qual ele estima que “das mil medidas provisórias editadas nos quatro governos do PT, em pelo menos novecentas houve tradução de emendas exóticas em propina”.

Informações: Veja.

Foto: Ueslei Marcelino/Reuters.