Sete assaltantes de banco são mortos durante confronto com a PM

Mourão diz que operação no Rio é ‘meia-sola’ e declara novamente apoio a Bolsonaro
28/02/2018
Programa Tolerância Zero – 06/03/2018: Lula vê prisão mais perto + Quebra do sigilo bancário de Temer
06/03/2018

Sete assaltantes de banco são mortos durante confronto com a PM

Ação do Batalhão de Ações Especiais (BAEP) da Polícia Militar de Campinas, no interior de São Paulo, terminou com sete integrantes de uma quadrilha mortos na noite de quarta-feira, 28. O grupo faria um ataque com explosivos a agências bancárias de Joanópolis, cidade da região. Essa informação, segundo a PM, chegou através de uma denúncia anônima. Os criminosos foram localizados por volta das 21h30 na Estrada Municipal Dona Isabel Fragoso Ferrão, no distrito de Joaquim Egídio, às margens da Rodovia D. Pedro I.

A polícia montou um cerco e os criminosos, fortemente armados em dois carros, abriram fogo quando avistaram uma viatura policial, que revidou. Além dos sete suspeitos mortos, outros dois conseguiram fugir e um deles, provavelmente, foi ferido no tiroteio.

Nos dois veículos que estavam com os suspeitos, entre eles uma picape de cabine dupla, foi encontrado um arsenal. Foram apreendidas 11 armas, entre fuzis, pistolas e ao menos uma metralhadora, além de munição, máscaras contra explosivos, coletes à prova de balas e dinamites.

Conforme a PM, a quantidade de explosivo indica que o alvo dos criminosos seria mais de uma agência bancária, como já aconteceu em outras cidades – em Caconde, foram explodidos caixas em quatro agências na mesma ação.

O local do confronto continuava isolado na manhã desta quinta-feira, 1º, para a perícia da Polícia Civil, que era acompanhada por corregedores. Uma equipe do esquadrão antibombas da PM foi mobilizada para resgatar os explosivos. O material apreendido foi levado para o 4.º Distrito Policial de Campinas, onde o caso começou a ser registrado por volta das 6 horas. Um inquérito deve ser instaurado para investigar a ocorrência.

Somente este mês, foram registrados ao menos 14 ataques a agências bancárias no interior de São Paulo, com o uso de explosivos. As ações aconteceram em oito cidades, todas de pequeno porte. Nesta quarta, os criminosos explodiram uma agência do Banco do Brasil, em Pilar do Sul. Eles roubaram o dinheiro e conseguiram fugir.

2 Comentários

  1. Genivaldo pereira dia reis disse:

    Intervencao militar,em brasilia tambem, urgente.

  2. thiago disse:

    parabéns a estes policiais tem que ser assim mesmo quanto mais manda pro buraco um dia essas pragas acaba!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Social media & sharing icons powered by UltimatelySocial

Siga-me nas Redes Sociais!