Temer e membros do governo se recusam a levantar para Moro em evento de homenagem ao juiz

Delegado Francischini fala ‘na lata’ o que pensa de Lula: ‘É um bandido travestido de político. Sua pena será aumentada’; veja vídeo
05/12/2017
Artimanhas da defesa de Lula só tem um objetivo: Obstruir a Lava Jato
06/12/2017

Temer e membros do governo se recusam a levantar para Moro em evento de homenagem ao juiz

Um evento realizado na noite desta terça-feira (5) em São Paulo colocou, lado a lado, o juiz Sergio Moro, responsável pelas decisões em primeira instância da Lava Jato no Paraná, e diversos políticos citados na operação e em outras investigações sobre corrupção, entre eles o presidente Michel Temer (PMDB).

O constrangimento marcou a cerimônia, em que Moro foi premiado como o brasileiro de 2017 pela revista “IstoÉ”. Temer e alguns membros de seu governo se recusaram a levantar quando o magistrado foi premiado.

Moro dividiu palco com Temer e o ministro Moreira Franco (PMDB), ambos denunciados por corrupção passiva pela PGR; com o prefeito de Salvador, ACM Neto (DEM), e o candidato ao governo de São Paulo em 2014 Paulo Skaf (PMDB), ambos citados na delação da Odebrecht; e o presidente do Senado, Eunicio Oliveira (PMDB-CE), alvo de inquérito no STF (Supremo Tribunal Federal).

Quando o magistrado foi chamado para receber seu prêmio, Temer e membros do governo não se levantaram para aplaudir a consagração do juiz. Mas quem esperaria que o Coringa e sua trupe se levantassem para prestigiar o Batman ao ser reconhecido pelo combate ao crime?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Social media & sharing icons powered by UltimatelySocial

Siga-me nas Redes Sociais!